Instalações Residenciais

A instalação de sistemas de energia fotovoltaica em residências pode representar uma considerável economia nas tarifas de energia elétrica. Apesar de ser uma tecnologia relativamente nova, esse benefício faz com que o número de proprietários que optam por implementar a energia solar em suas residências cresça a cada ano.

A adesão a esse tipo de geração de energia é relativamente fácil e descomplicada, mas entender melhor quais são as opções disponíveis pode ajudar muito na escolha pelo melhor sistema para cada propriedade.

Existem três principais sistemas residenciais de geração de energia fotovoltaica: o on-grid, o off-grid e os sistemas híbridos.

Os chamados de on-grid são os mais populares e têm conexão direta com a rede elétrica. Dessa maneira, qualquer excedente de energia é enviado à distribuidora e o proprietário do imóvel ganha um desconto em sua conta. Além disso, se a geração de energia não for suficiente para suprir às necessidades da residência, a rede elétrica fornece o restante.

O off-grid é um sistema autônomo, sem ligação com a rede elétrica. Muito usado em locais mais remotos, sem a cobertura do sistema de energia elétrica. A energia excedente gerada pelas placas fotovoltaicas pode ser armazenada em baterias, a fim de garantir a alimentação mesmo em dias chuvosos, nublados ou durante a noite.

Já os sistemas híbridos se caracterizam por estarem ligados à rede de energia, mas também serem capazes de armazenar a produção excedente em baterias, agregando, assim, características dos sistemas on-grid e off-grid.

Sistemas híbridos oferecem, ainda, mais independência para o usuário, sendo capazes de fornecer energia mesmo durante a noite. Além disso, esses sistemas são capazes de reduzir a conta de luz ainda mais, uma vez que a rede elétrica é usada menos vezes.

Como funciona a energia solar para casas

Basicamente, os painéis solares instalados no telhado de uma casa geram energia elétrica quando há presença de luz do sol. Essa energia é levada ao inversor solar, que altera a corrente elétrica, de contínua para alternada, para haver compatibilidade com a corrente da residência, ficando pronta para utilização nos eletrodomésticos e em qualquer outro equipamento.

Se a sua casa gerar mais energia solar do que está consumindo, a energia extra vai para a rede da distribuidora e gera um “crédito de energia” para você. Para se aprofundar no assunto, acesse a página Como funciona a energia solar fotovoltaica.

Algumas das vantagens da energia solar para residências são:

  1. Redução na conta de luz em até 95%;
  2. A Energia Solar valoriza a sua casa;
  3. Energia solar residencial acaba com o aumento da conta de luz;
  4. Energia Solar Residencial é sustentabilidade;
  5. Energia solar não faz barulho;
  6. Instalação rápida.